(48) 3461-0900
oi@juntosdecoracao.com.br

Badesc estuda abrir novas linhas de crédito

Badesc estuda abrir novas linhas de crédito

Com a Linha Emergencial de R$ 50 milhões já comprometida, a Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc) estuda a possibilidade de abrir novas linhas de crédito a empreendedores catarinenses. Nesse sentido, busca a captação de recursos junto às fontes habituais e mesmo de capital externo, segundo o presidente Eduardo Alexandre Corrêa de Machado.

Conforme o economista, os recursos próprios do Badesc já se esgotaram, mas a agência está em negociações com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), no sentido de levantar fundos, além de colocar em pauta a possibilidade de captação de recursos internacionais.

De acordo com ele, a expectativa é de que a definição ocorra entre esta e a próxima semana.

Segundo Machado, o recebimento de propostas para a Linha Emergencial de R$ 15 mil a R$ 150 mil para as micro e pequenas empresas afetadas pelos efeitos das medidas de combate ao coronavírus iniciou no dia 20 de março, assim que a abertura foi anunciada. Cerca de dez dias depois, os interessados puderam se inscrever também através do site.

Mas a demanda superou em muito às expectativas, representando cerca de dez vezes o volume de crédito disponível. Isso fez com que a agência tomasse a decisão de paralisar o recebimento de propostas, a partir da última segunda-feira, dia 6, para não gerar uma falsa expectativa aos empreendedores.

Neste momento, os pedidos e documentações seguem em análise e a assinatura dos contratos se dará apenas após a aprovação de projeto de lei do Executivo em tramitação na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), permitindo o uso dos R$ 50 milhões no programa.

Deize Felisberto
Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *